Quem Somos

No ano de 1998 na cidade de Gália a fazenda “São Vicente” uma propriedade com muita tradição em produção de café deste 1936, foi adquirida pelo grupo Larimor que ao longo dos anos vem desenvolvendo um trabalho de modernização e reestruturação. A fazenda hoje leva um novo nome de “Fazenda Dona Irani” em homenagem a sua matriarca, e é referência na produção de café no Centro Oeste Paulista.

O slogan: “Preservando a Natureza” traduz o respeito que temos com o meio ambiente e a natureza. Todas nossas nascentes e mananciais estão preservados em uma área de mata de 108 hectares, formando um corredor de biodiversidade ligado na reserva ecológica “Caetetus”, a maior reserva de Mata Atlântica no interior de São Paulo.

A propriedade produz café, palmito pupunha, eucalipto, gado de cria e possui uma central de transferência de embrião.

 

O Café

Seu sonho tornou-se realidade você pode beber em sua casa o mesmo café que bebemos aqui na fazenda, o “Café Dona Irani”.

Nosso café é produzido artesanalmente para clientes especiais que apreciam e valorizam a tradição cafeeira e o bom sabor e aroma do café brasileiro.

As variedades de café cultivadas são: Mundo Novo, Obatã, Ouro Verde e IPR 100.

“A Fazenda Dona Irani” tem controle rígido em todas as etapas de produção do café e de respeito aos seus colaboradores, por esta razão conquistou o selo “UTZ Certified” um programa de sustentabilidade que melhora a produtividade, qualidade dos produtos e a eficiência cuidando das pessoas e do meio ambiente.

 

Somos produtores e torrefadores, trabalhamos com cultivo de mudas selecionadas, colheitas, tratos culturais, secagem, armazenamento, beneficiamento, utilizando a tradição cafeeira aliada à equipamentos de última geração.

Contamos com os processos via seca, via úmida, colheita seletiva, natural e cereja descascado. As secagens são em terreiros de concreto e estufas, que contribuem para a maior qualidade na hora da fermentação controlada e assim ressaltando a doçura e acidez ideal do café.

Café Dona Irani, qualidade para quem aprecia um café especial

 

Palmito Pupunha “Príncipe de Gália”

O palmito Pupunha em nossa propriedade é cultivado e por esta razão é considerado um plantio ecológico. A plantação é feita em encostas de áreas de pastagem degradas.

A “Fazenda Dona Irani” tem uma floresta de pupunheiras com mais de 700.000 pés, e todas recebem irrigações frequentes para o produto ser tenro e macio.

Nossa marca de palmito “Príncipe de Gália tem sua origem em nossa indústria que é extremamente moderna e nossa matéria-prima é toda advinda da própria fazenda que produz cerca de 1.400.000 vidros por ano, nas variedades: tolete, rodela, picado, macarrão e lasanha com zero glúten.

 

Gado

A “Fazenda Dona Irani” trabalha com criação de gado onde seu foco é a produção de novilhas para central de transferência de embrião, com matrizes selecionadas da raça “nelore” produzindo o meio sangue angus.

As novilhas são fornecidas ao mercado para recria, engorda ou para transferência de embrião. A expectativa é de que em breve seja alcançado a marca de 1.000 matrizes Nelore, mantidas em pastejo rotacionado sendo 37 hectares que são irrigados por aspersão.

A Fazenda ainda está em fase de implantar confinamento associado ao biodigestor e produção de energia solar, tornando-se auto - sustentável em energia e menos dependente de adubo químico

 

Eucalipto

O plantio de eucalipto na “Fazenda Dona Irani” foi destinado inicialmente a fazer a função de quebra vento para a plantação de café, pupunha e pastagens, e desta forma todos os talhões de cada plantação são circundados por plantas de eucaliptos.

Outra função do plantio de eucalipto é propiciar sombra para a proteção das plantações, reduzindo a temperatura média do ambiente.

Plantio de Jabuticaba e Açaí

O plantio de jabuticaba e açaí na “Fazenda Dona Irani, ainda está em fase de pesquisa para desenvolvimento de novos produtos.

No ano de 1998 na cidade de Gália a fazenda “São Vicente” uma propriedade com muita tradição em produção de café deste 1936, foi adquirida pelo grupo Larimor que ao longo dos anos vem desenvolvendo um trabalho de modernização e reestruturação. A fazenda hoje leva um novo nome de “Fazenda Dona Irani” em homenagem a sua matriarca, e é referência na produção de café no Centro Oeste Paulista.

O slogan: “Preservando a Natureza” traduz o respeito que temos com o meio ambiente e a natureza. Todas nossas nascentes e mananciais estão preservados em uma área de mata de 108 hectares, formando um corredor de biodiversidade ligado na reserva ecológica “Caetetus”, a maior reserva de Mata Atlântica no interior de São Paulo.

A propriedade produz café, palmito pupunha, eucalipto, gado de cria e possui uma central de transferência de embrião.

 

O Café

Seu sonho tornou-se realidade você pode beber em sua casa o mesmo café que bebemos aqui na fazenda, o “Café Dona Irani”.

Nosso café é produzido artesanalmente para clientes especiais que apreciam e valorizam a tradição cafeeira e o bom sabor e aroma do café brasileiro.

As variedades de café cultivadas são: Mundo Novo, Obatã, Ouro Verde e IPR 100.

“A Fazenda Dona Irani” tem controle rígido em todas as etapas de produção do café e de respeito aos seus colaboradores, por esta razão conquistou o selo “UTZ Certified” um programa de sustentabilidade que melhora a produtividade, qualidade dos produtos e a eficiência cuidando das pessoas e do meio ambiente.

 

Somos produtores e torrefadores, trabalhamos com cultivo de mudas selecionadas, colheitas, tratos culturais, secagem, armazenamento, beneficiamento, utilizando a tradição cafeeira aliada à equipamentos de última geração.

Contamos com os processos via seca, via úmida, colheita seletiva, natural e cereja descascado. As secagens são em terreiros de concreto e estufas, que contribuem para a maior qualidade na hora da fermentação controlada e assim ressaltando a doçura e acidez ideal do café.

Café Dona Irani, qualidade para quem aprecia um café especial

 

Palmito Pupunha “Príncipe de Gália”

O palmito Pupunha em nossa propriedade é cultivado e por esta razão é considerado um plantio ecológico. A plantação é feita em encostas de áreas de pastagem degradas.

A “Fazenda Dona Irani” tem uma floresta de pupunheiras com mais de 700.000 pés, e todas recebem irrigações frequentes para o produto ser tenro e macio.

Nossa marca de palmito “Príncipe de Gália tem sua origem em nossa indústria que é extremamente moderna e nossa matéria-prima é toda advinda da própria fazenda que produz cerca de 1.400.000 vidros por ano, nas variedades: tolete, rodela, picado, macarrão e lasanha com zero glúten.

 

Gado

A “Fazenda Dona Irani” trabalha com criação de gado onde seu foco é a produção de novilhas para central de transferência de embrião, com matrizes selecionadas da raça “nelore” produzindo o meio sangue angus.

As novilhas são fornecidas ao mercado para recria, engorda ou para transferência de embrião. A expectativa é de que em breve seja alcançado a marca de 1.000 matrizes Nelore, mantidas em pastejo rotacionado sendo 37 hectares que são irrigados por aspersão.

A Fazenda ainda está em fase de implantar confinamento associado ao biodigestor e produção de energia solar, tornando-se auto - sustentável em energia e menos dependente de adubo químico

 

Eucalipto

O plantio de eucalipto na “Fazenda Dona Irani” foi destinado inicialmente a fazer a função de quebra vento para a plantação de café, pupunha e pastagens, e desta forma todos os talhões de cada plantação são circundados por plantas de eucaliptos.

Outra função do plantio de eucalipto é propiciar sombra para a proteção das plantações, reduzindo a temperatura média do ambiente.

Plantio de Jabuticaba e Açaí

O plantio de jabuticaba e açaí na “Fazenda Dona Irani, ainda está em fase de pesquisa para desenvolvimento de novos produtos.

Pague com
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

None - CNPJ: 28.692.402/0002-02 © Todos os direitos reservados. 2020

É cliente preferencial? Clique aqui!
Tdzain